BrasilCaso Vitória GabriellyPolíciaÚltimas Notícias
Notícias quentes

Quem matou Vitória Gabrielly? Novo carro suspeito, resultado de digitais nos patins e DNA mexem com investigação

Saiu nesta terça-feira (26), o resultado da análise das digitais, além da identificação de um carro suspeito.

A pergunta ainda continua sem resposta: quem matou Vitória Gabrielly? As investigações avançam rumo a elucidação do caso e novidades surgem todos os dias. Um dos delegados do caso já revelou que existem situações que que ajudam nas investigações mas que são mantidas em sigilo. O advogado da família também disse que existem suspeitos que não podem ser revelados, agora, para evitar uma possível fuga.

Para tentar buscar pistas mais efetivas, a polícia já até estabeleceu uma recompensa de R$ 50 mil, por pistas que levem à prisão dos suspeitos de matar a menina. Aliás a polícia acredita que foram, no mínimo, três pessoas envolvidas. Outra evolução no caso foi a identificação de um carro suspeito, o resultado das digitais nos patins e os exames de DNA.

Novo carro suspeito

Após análise de boa parte das 300 horas de filmagem, a polícia identificou um carro suspeito. Sem revelar modelo, cor e marca, a polícia conseguiu parte da placa e a outra, está sendo deduzida, de acordo com a base de dados dos órgãos de fiscalização de carros, DETRANs, etc. A identificação do carro será, segundo a polícia, um grande avanço rumo a resolução do caso.

Análise do DNA e digitais

A menina Vitória tentou se defender e, por isto, tinha pele humana sob as unhas. esse material foi recolhido e comparado com os três suspeitos. Os três são, o casal indicado por Julio Cesar (o único preso) e o próprio. Em relação ao material de DNA colhido sob as unhas da menina, nada pode ser associado nem a Julio Cesar e nem ao casal. O material, claro, fica armazenado, para comparação de futuros suspeitos.

Já no caso das duas digitais nos patins, uma delas foi completamente descartada, pois não haveria como fazer a leitura. Ela estava prejudicada. Já outra digital, de um polegar, pode ser identificada, mas também não bateu com nenhum dos suspeitos do caso.

A polícia continua trabalhando com afinco no caso.

Tags

Hugo Reis

Fazemos trabalhos com vários sites de notícia do Brasil e decidimos montar nosso próprio site. Na verdade atualizamos também dois sites: http://www.oimeliga.com.br http://www.superinteressantes.com.br hugo.reis@oimeliga.com.br TRabalhamos também para a BlastingNews e 1News. Confira nosso portfólio

Artigos relacionados

Close
Close

Adblock Detected

Considere tirar o ad blocker para ler a matéria
%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas